6 dicas para melhorar a segurança da loja virtual e fazer o cliente perceber

Já sabemos que ter um site seguro é importante por diversos motivos. Porém, quando o assunto é e-commerce, o cuidado deve ser ainda maior. Afinal, apesar de o hábito de comprar on-line ter crescido significativamente nos últimos anos, os consumidores sempre ficam com um pé atrás antes de cada transação.

Portanto, melhorar a segurança da loja virtual não deve ser uma opção, mas uma obrigação para quem deseja alcançar o sucesso. Além de passar uma boa impressão aos usuários, você também desfruta dos benefícios que as ferramentas de proteção proporcionam &mdash já que estamos sujeitos a tentativas de invasões e precisamos dispor de meios que eliminem qualquer brecha.

Quer conhecer as principais medidas para aumentar a segurança da sua loja virtual e, consequentemente, vender mais? Continue lendo e confira nossas dicas!

1. Escolha uma boa plataforma

A plataforma de e-commerce é a estrutura na qual você vai construir o seu negócio on-line. Ela deve ser compatível com as principais ferramentas que evitam fraudes, entre outras medidas de segurança. Sendo assim, antes de fazer a sua escolha, leia as recomendações de outros clientes, veja há quanto tempo a empresa atua e se ela presta um bom suporte.

2. Adquira um certificado SSL

O certificado SSL (Secure Sockets Layer) é um dos itens que mais passam confiança aos consumidores. Sabe aquele cadeado antes da URL informando que o site é seguro? É disso que se trata. Ao adquirir esse certificado, a conexão com o website é criptografada. Isso significa que as informações dos usuários são armazenadas de maneira sigilosa e segura.

3. Faça uma blindagem no site

O serviço de blindagem faz uma varredura no site com o intuito de identificar possíveis vulnerabilidades, evitando que ele seja invadido. Após as análises, caso tudo esteja em ordem, você pode exibir um selo de site blindado e aumentar a sensação de segurança dos visitantes.

4. Conquiste um selo Ebit

Nada melhor do que os clientes para dizer que o seu negócio é confiável, não é mesmo? Logo, o selo Ebit  serve para mostrar que a sua loja virtual tem boa reputação de acordo com as avaliações daqueles que já adquiriram seus produtos ou serviços.

Existem quatro medalhas que você pode conquistar: bronze, prata, ouro e diamante. Quanto melhor for a sua nota, maior será o nível do certificado.  

5. Conte com especialistas para fazer a manutenção

O conhecimento de um profissional especializado é importante não apenas para colocar a loja virtual no ar e instalar os certificados, mas também para a manutenção. É preciso contar, principalmente, com programadores que têm experiência em segurança de sites. Caso você não possua esse tipo de suporte, cedo ou tarde passará por uma situação desagradável.

6. Disponibilize métodos de pagamentos seguros

Por fim, você vai precisar oferecer formas seguras de pagamentos aos consumidores. Uma das alternativas é fazer uma integração na plataforma com as operadoras tradicionais (como a Cielo e Rede) para passar credibilidade.

Outra opção é contratar uma empresa que faz a intermediação (como a Moip) e deixar que ela fique responsável pela segurança dos dados e toda a burocracia. Existem ainda outras possibilidades, todas com suas vantagens e desvantagens, basta pesquisar qual é a que atende às suas necessidades.

A segurança da loja virtual deve ser planejada antes mesmo da criação do site. Quando você opta apenas pelas soluções mais fáceis ou baratas, possivelmente terá um prejuízo lá na frente. Logo, o ideal é pesquisar bem antes de qualquer decisão.

Ficou com alguma dúvida? Entre em contato conosco e converse com um dos nossos especialistas! Teremos prazer em atendê-lo!

O post 6 dicas para melhorar a segurança da loja virtual e fazer o cliente perceber apareceu primeiro em Blog Codeby.

Deixe um comentário

Os comentários devem ser aprovados antes de serem publicados